Style Inspiration | Frida Kahlo

 

Unknown

 

Na exposição Frida Kahlo – Conexões entre Mulheres Surrealistas no México,  que pode ser vista em São Paulo, uma secção especial foi reservada à forma como Frida se expressava através da roupa que escolhia. O estilo da artista é, hoje, quase tão famoso como as suas obras e serve frequentemente de inspiração a estilistas. Na mostra, a sua relação com a moda é expressa através de um espaço criado pelo restaurador Renato Camarillo, responsável pelo espólio das roupas pertencentes à artista mexicana no museu da Casa Azul.

 

Frida 1

Frida 2

Frida 3

 

Dado que as peças originais não podem abandonar o museu, na exposição de São Paulo podemos apreciar seis manequins usando peças semelhantes, das décadas de 20 e 30 do século passado. Destacam-se os trajes e jóias inspirados nos povos pré-hispânicos, os tecidos estampados e bordados com acentuadas características regionais e os alegres toucados floridos.

Inspirada no estilo de Frida Kahlo, e usando peças Zara, compus dois conjuntos para Outono – Inverno. Substitui as saias longas por calças largas de veludo que combinei com partes de cima bordadas. Acessórios de inspiração étnica e echarpes compõem um visual boémio e confortável.

 

Unknown-1

Unknown

 

(English Version)

 

In the exhibition Frida Kahlo – Connections between Surrealists Women in Mexico, which can be seen in São Paulo, a special section was reserved to how Frida expressed herself through the clothes she wore. The artist’s style is now almost as famous as her works and often serves as an inspiration to designers. On the show, her relationship with fashion is expressed through a space created by the restorer Renato Camarillo, responsible for all of the clothes belonging to the Mexican artist in the Blue House museum.

Since the original pieces of cloth can not leave the museum, the exhibition of São Paulo presents six mannequins using similar pieces, from the  20’s and 30’s of the last century. Noteworthy are the costumes and jewelry inspired in the pre-Hispanic culture, the patterned and embroidered fabrics with marked regional characteristics and the cheerful flowered headdresses.

Inspired by the style of Frida Kahlo, and using Zara pieces of cloth and accessories, I have composed two outfits for autumn – winter. Replaced long skirts for loose velvet trousers that were combined with embroidered tops. Ethnic-inspired accessories and scarves make up a bohemian and comfortable style.

 

(This post participates on Not Dead Yet Style’s Visible Monday)

Style Inspiration | Frida Kahlo

Athens | In Style

Athens in Style

(Scroll Down for English Version)

Atenas é uma cidade soalheira e quente no Verão. Muito quente! Por isso, na hora de fazer as malas o melhor é escolher roupa fresca e leve. Calções e calças são práticos, mas um vestido combina frescura, conforto e elegância. As propostas de Ralph Lauren (vestidos listrado, azul e branco) e de Alice Temperley (vestido de flores) para a Primavera – Verão 2016 são plenas de  feminilidade e partilham uma paleta de cor com a cidade.

Junte-lhes umas sandálias confortáveis e um chapéu (o sol é mesmo muito forte!) e estará preparada para passear com estilo por toda a cidade.

(English Version)

Athens is a  sunny and hot city in the summer. Very hot! So, it’s best to pack  light clothes. Shorts and pants are practical, but a dress combines freshness, comfort and elegance. This proposals for Ralph Lauren (striped , blue and white dresses) and Alice Temperley (flower dress) for the Spring – Summer 2016 are full of femininity and share a color palette with the city.

Add  a comfortable pair of sandals and a hat (the sun is really strong!) and you’ll be prepared to walk in style throughout the city.

 

(This post participates on Not Dead Yet Style’s Visible Monday)

Image

Beauty Tips | 4 Lipsticks Tricks & Tips

Lipstick Tips

(Scroll Down for English Version)

O batom é talvez um dos primeiros objectos de desejo de uma jovem no reino da maquilhagem. É um passaporte para nos sentirmos mulheres! Ao fim de todos estes anos continua a ser um dos meus favoritos. Máscara e blush são importantes porque acentuam os traços, a base harmoniza a cor da pele, mas o batom é uma forma de afirmação e uma expressão do humor de cada dia. Uns dias mais natural, noutros mais intenso, hoje mais claro e amanhã apenas um toque de brilho, desenhamos a boca de acordo com o formato da alma.

Não tenho muito (ou mesmo nada) a ensinar a ninguém. A minha principal regra é mesmo a simplicidade e a naturalidade. Sou defensora de que cada um deve usar aquilo que mais gosta, independentemente da idade ou forma, mas algo que me tenho apercebido é que com o passar dos anos, o nosso aspecto beneficia muito mais com uma maquilhagem leve que nos transmite um ar mais fresco e saudável. No que diz respeito aos batons as minhas dicas e truques são poucas e bem simples.

1 – É muito importante que a escolha da cor tenha em conta a cor da pele (e até do cabelo), a ocasião e contexto em que o batom vai ser usado, bem como a dimensão e formato dos lábios.  Por exemplo, eu tenho pele clara, mas não rosada. A boca é pequena, mas os lábios são carnudos. Em geral opto por cores médias nas gamas de rosa que declinam para os castanhos ou para os tons coral, gostando sempre de ter um ou dois batons um pouco mais escuros. Neste momento tenho apenas 5 batons (também a este nível simplifiquei imenso!). O Wild Tulip da Chanel (fora do mercado) e o Moxie Raise the Bar da Bare Minerals são um pouco mais escuros e tanto servem para dar cor a todo o lábio como para delinear o contorno. O YSL Pure Shine nº 16 (também já não está à venda) tem um pouco mais de brilho. O KissKiss Baby Rose da Guerlain é um rosa um pouco mais claro e acetinado, enquanto o novo KissKiss Rose Lip na cor Chick Pink da Guerlain é um tom bem natural e com uma grande transparência.

2 – A preparação dos lábios é fundamental. Retirar a maquilhagem dos lábios e usar um bálsamo hidratante numa base diária e, se necessário, esfoliar regularmente. Usar produtos de qualidade numa pele tão sensível como a dos lábios é uma opção importante.

3 – Sempre procuro adequar o grau de sofisticação à ocasião. Para situações bem informais opto por uma maquilhagem bem leve. Para um efeito suave, de um leve colorido, dou ligeiros toques com o baton sobre os lábios. A passagem de uma pequena quantidade de gloss dá um brilho extra. É a minha opção para ir ao ginásio (academia) ou para ir ao supermercado. Para o trabalho, uma saída durante o dia com as amigas, posso caprichar um pouco mais. Contornar o lábio com um dos tons mais escuros (ou com um lápis), esbater um pouco e passar um batom de tom médio, dá geralmente um efeito bastante bonito. Para uma saída à noite, dependendo da roupa, posso apostar nos tons um pouco mais escuros, mas sem carregar muito. Menos é mais é um lema que nunca me deixou ficar mal.

4 – Seja de forma simples ou sofisticada, tenha cuidado e faça um bom trabalho. Se necessita que a cor dure muito tempo e não vai ter tempo ou oportunidade de retocar, passe um pouco de base (camada muito fina) nos lábios antes de delinear e passar o batom. Para a cor durar mais, após a primeira camada de batom, colocar um lenço de papel entre os lábios para retirar o excesso de gordura e passar uma segunda camada. Para não ficar com os dentes sujos de baton, após aplicar, colocar o dedo indicador  na boca e puxar de forma a retirar o excesso que poderia manchar os dentes.

Lippy Tricks and Tips

(English Version)

Lipstick is perhaps a girls first object of desire  in the make-up realm. It is a passport to feel a grown up women! After all these years it remains one of my favorites. Mask and blush are important because they accentuate the features, the base harmonizes skin color, but the lipstick is a statement and an expression of the mood of each day. More natural some days, others more intense, clearer today and tomorrow just a touch of shine, we draw our mouth according to the format of our soul.

I don’t have much (or nothing) to teach to anyone. My main rule in makeup is  simplicity and naturalness. I advocate that everyone should use what they love, regardless of age or form, but something I have realized is that over the years, our aspect benefit more with a light makeup that gives us a fresher and  healthier look. With regard to lipsticks my tips and tricks are few and simple.

1 – It is very important that the choice of color takes into account the color of the skin (and even hair), the occasion and context in which the lipstick will be used, and the size and shape of the lips. For example, I have fair skin, but not rosy. The mouth is small, but the lips are pouty. Generally opt for medium colors in pink ranges declining for brown or coral shades. I always like to have one or two lipsticks a little darker. Right now I only have five lipsticks (also on this level simplified immensely!). The Wild Tulip from Chanel (off the market) and the Moxie Raise the Bar from Bare Minerals are a bit darker and both serve to color the entire lip or to delineate the outline. The YSL Pure Shine 16 (also is no longer on sale) has a bit more brightness. The KissKiss Baby Rose from Guerlain is a little clearer and satined shade of pink, while the new  KissKiss Rose Lip in the Chick Pink color from Guerlain is a very natural tone and with greater transparency.

2 – Preparation of the lips is critical. Remove the makeup of lips and to use a moisturizing balm in a daily basis and, if needed, exfoliate regularly. Using quality products in skin as sensitive as the lips is an important option.

3 – I always try to tailor the degree of sophistication to the occasion. On informal situations opt for a very light make-up. For a soft effect with a light coloring, opt for light touches with the lipstick on the lips. The passage of a small amount of gloss gives an extra shine. It’s my choice wen I go to the gym or to the supermarket. For work, or for going out  with friends during the day, I can contour the lips with the darker shades (or a pencil), blur a bit and spread some lipstick, usually gives a very nice effect. For a night out, depending on the clothes, I can bet on the darker tones, but without overdoing it. Less is more is a motto that never let me down.

4 – Be simple or sophisticated way, be careful and do a good job. If you need the color to last long and will not have time or opportunity to touch it up, spend a little foundation (very thin layer) on the lips before outlining and applying  lipstick. Also for the color last longer, after the first layer of lipstick, put a tissue between your lips to remove excess and apply a second layer. To avoid stain your teeth with lipstick color, after applying, put your index finger In the mouth and pull in order to remove the excess.

(This post participates on Not Dead Yet Style’s Visible Monday)

Beauty Tips | 4 Lipsticks Tricks & Tips

Style Essentials | Fall Wardrobe

(Scroll Down for English Version)

Na verdade, no Hemisfério Sul está  quase a começar a estação (mais) quente (e das chuvas). Mas para as leitoras que vivem a Norte do Equador aproximam-se os dias frios e há que preparar o guarda roupa de Outono e Inverno. Com estas peças base, essenciais a qualquer guarda roupa já ficamos preparadas (por muitos anos). Se depois lhes juntarmos uma ou outra peça ou acessório da moda, não há como falhar num look bem actual e elegante.

Ter uma camisa branca (ou azul) básica é essencial. Ficam bem com jeans e com calças ou saias mais clássicas. São boas para levar para o trabalho ou para situações totalmente informais. As da foto são da  Zara e o preço não podia ser mais acessível. Acontece o mesmo com as T-shirts brancas de boa qualidade. É imprescindível ter pelo menos uma. Esta é da Utreque.

Um blazer preto (Zara) e/ou um blusão em pele  (Zara) completam o outfit para os dias mais frescos. Consoante os acessórios qualquer um deles pode ir do look mais comportado ao mais rebelde. Dependerá do seu humor!

Para sair ou para ficar aconchegada no sofá, não há como um cardigan quentinho. Este é da colecção masculina da Zara mas não resisti a colocá-lo aqui. Adoro malhas com torcidos e ar confortável.

Dependendo da ocasião pode optar por um sapato de salto alto mais clássico como estes da Max Mara  com o salto a imitar tartaruga (os meus preferidos são estes nude da Max Mara ). Para uma imagem com mais impacto, escolha uns sapatos (ou sandálias) com um design menos convencional e/ou numa cor apelativa, como estes da Utreque. Para total conforto ou quando tem de caminhar muito os ténis (sneakers) continuam na ordem do dia, e pode optar pelo modelo Stan Smith da Adidas que já é um clássico.

Quando o frio realmente aperta, é imprescindível um bom casaco de lã. Podem encontrar para todos os orçamentos (como este casaco de lã Zara  ou este em pêlo de camelo da Max Mara). O meu favorito é este da Carolina Herrera. Se tiver possibilidade de investir num bom casaco (aproveite a época de saldos!) não hesite. Eu tenho um da Max Mara há mais de vinte anos e está tão bonito e actual hoje como no dia em que o comprei. Para os países onde os meses frios são também chuvosos, uma  gabardina é sempre bem vinda, e quando se fala em gabardinas, pensamos em Burberry.

Ter uma boa mala para levar para o escritório é essencial. Eu confesso que gosto de malas um pouco extravagantes por isso escolhi esta da Utreque. Também me rendi completamente à moda das cluchs e se está a começar a apaixonar-se por estas pequenas malas, comece com uma bem simples que dê com tudo. Esta DVF conquistou-me.

Se precisa ir do escritório directamente para um jantar e causar uma impressão positiva, com um pequeno vestido preto não tem mesmo como falhar (este é DVF). Troque os sapatos pretos pelos arrojados stilletos, saque a clutch de dentro da mala e coloque uma bijuteria mais vistosa, dê um retoque na maquilhagem e divirta-se.

This post was inspired by this great video from MatchesFashion.com.

(English Version)

In fact, in the Southern Hemisphere is about to begin the warmer (and rainy) season. But for our readers who live north of the equator, you ladies are close to the cold days and you have to prepare your fall and winter clothing. With these basic pieces, essential to any wardrobe we’ll prepared (for many years). If you add some more fashionable piece of cloth or accessory, there is no way to fail in a very trendy and elegant look.

Having a crisp white shirt (or blue) is essential. They look good with jeans and with more classic trousers or skirts. They are good to take to work or to totally informal situations. The one in the photo is from Zara and the price could not be more accessible. It is the same with good quality white T-shirts. It is essential to have at least one. This one is from Utrecht.

A black blazer (Zara) and / or a leather jacket (Zara) complete the outfit for the cooler days. Depending on the accessories either of them can go from the best behaved to the more rebellious look. It will depend on your mood!

To go out or to stay curled up on the sofa, there is nothing better than a warm cardigan. This is from the men’s collection of Zara but I could not resist putting it here. I love knitting with brades and comfortable air.

Depending on the occasion, you can opt for a more classic high-heeled shoe,  like these from Max Mara  (my favorites are these nude from Max Mara). If you want an image with more impact, choose a pair of shoes (or sandals) with a less conventional design and / or an appealing color, like these of Utrecht. For total comfort or when you have to walk a lot , a pair of sneakers is the best option, and you can choose the  Stan Smith model from Adidas which is already a classic.

When the cold really tightens, it is essential a good coat. You can found elegant coats to suit all budgets (like this Zara wool coat or this, in camel hair, from Max Mara). My favorite is this one from Carolina Herrera. If you have possibility to invest in a good coat (buy one on sales!) do not hesitate. I have a Max Mara camel coat for over twenty years and is so beautiful and current today as the day I bought it. For countries where the cold months are also rainy a trench coat is always welcome, and when it comes to raincoats, one think of Burberry.

Having a good bag to take to the office is essential. I confess I like a bit unusual bags so I chose this one of Utrecht. I also surrendered completely to cluchs and if you are beginning to fall in love with these little bags, start with a simple one that goes well with everything. This one from DVF conquered me.

If you need to go straight from the office to dinner party and want to make a positive impression, with a little black dress there is no way you can fail (this one is DVF). Replace the black shoes with your statement  stilletos, take the clutch from your bag and put a more fine jewelry, retouch your make-up and have fun.

(This post participates on Not Dead Yet Style’s Visible Monday)

Style Essentials | Fall Wardrobe

Beauty Tips | Skin Care (in love with Guerlain)

Unknown-1

(Scroll Down for English Version)

Gosto de usar produtos de qualidade, adaptados à minha pele, idade e estilo de vida e comportáveis no meu orçamento. A gama Orchidée Impériale da Guerlain já há muito que andava sob o meu radar, após ter experimentado umas amostras que me foram oferecidas, mas confesso que o preço me deixava um pouco reticente.

Há cerca de um mês, com creme de rosto e de olhos a dar as últimas, e com um desconto de 20% na Sephora, perdi o amor ao dinheiro (se precisarem de racionais para justificar um investimento destes eu tenho vários e todos muito bons!) e trouxe uma sacola cheia de produtos e ofertas.

Nem um momento de arrependimento (também há processos psicológicos que explicam isso!), pois os produtos Guerlain são excepcionais e trazem diferenças visíveis ao estado e beleza da pele em pouquíssimos dias.

A conselho da consultora da marca presente na perfumaria, optei por uma combinação de produtos das gamas Orchidée Impériale e Abeille Royale, a juntar à mascara hidratante da gama Super Aqua que já tinha.

1. Sérum Manhã – Abeille Royale Serúm Corrector de Manchas e Redutor de Poros – este sérum ajuda a reduzir as manchas que surgem com a idade e a afinar o grão da pele, conferindo uma tez mais unificada e uma pele com poros mais fechados. Embora este mês não seja o melhor para testar a questão das manchas (com o bronzeado as sardas também ficam mais visíveis), o produto parece melhorar os poros um pouco mais dilatados na zona ventral do rosto. Muito fluído, apesar da pequena quantidade utilizada, espalha-se facilmente por todo o rosto. Até agora os efeitos mostram-se positivos, mas permanece em avaliação.

2. Sérum Noite – Abeille Royale Sérum Reparador  Diário – com a sua textura única, é apresentado sob a forma de pequenas esferas que flutuam num líquido dourado, este sérum concentrado contém geleia real da produção exclusiva da Guerlain e actua aos vários níveis da pele reparando e devolvendo firmeza. Deste produto recebi uma pequena embalagem de teste que tem rendido imenso e que me convenceu plenamente. Já está na minha wish list de Natal!

3. Creme de Olhos – Abeille Royale – com os excepcionais poderes reparadores dos produtos apícolas este creme ajuda a reparar os sinais visíveis que a idade e a fadiga imprimem na área dos olhos. Reduz rugas e linhas ao mesmo tempo que confere maior firmeza ao contorno dos olhos. Apesar de ter apenas algumas linhas de expressão, o que mais me incomoda são os papos sob os olhos e, tenho de dizer, este creme é fantástico. Em poucos dias de utilização tanto os papos como os círculos escuros sob os olhos viram-se consideravelmente reduzidos, conferindo-lhe o primeiro lugar no top dos cremes de olhos. Um vencedor indiscutível!

4. Creme de Rosto – Orchidée Impériale  Gel Creme – Este creme de textura gel promete corrigir os sinais de envelhecimento ao mesmo tempo que proporciona uma sensação de frescura. A textura é leve e funde-se fácil e rapidamente com a pele, deixando uma sensação de enorme conforto sem sinais de oleosidade. A minha pele fica hidratada e macia e eu totalmente rendida.

5. Máscara Hidratante – Super Aqua – para usar uma ou duas vezes por semana (após o esfoliante) esta máscara é deliciosa de aplicar e deixa a pele fresca, hidratada e macia.

(English Version)

I like to use quality products, adapted to my skin, age and lifestyle and within my budget. The Orchidée Impériale range of Guerlain was for long under my radar, after experiencing some samples that I have been offered, but I confess that the price made me a little hesitant.

About a month, with my facial and eye cream about to finish, and with a 20% discount at Sephora, I lost the love of money (if you need a rational to justify an investment like this I have several options and all very good !) and brought home a bag full of products and offers.

Didn’t have a moment of regret (there is also psychological processes that explain it!), as Guerlain products are exceptional and bring visible differences to the state and beauty of the skin in a very few days.

The consultant for the brand present in the beauty shop, suggested  a combination of products from the ranges Orchidée Impériale and Abeille Royale, to join the moisturizing mask Super Aqua which already had.

1. Serum Morning – Abeille Royale Serum Dark Spot Corrector Pore Minimizer – this serum helps reduce stains that come with age and to refine the grain of the skin, providing a more unified complexion and a skin with closed pores. Although this was not the best month to test the question of dark spots (with tan freckles also become more visible), the product seems to improve a bit the more dilated pores. Very fluid, despite the small amount used, spreads easily across the face. So far the effects show up positive, but remains under evaluation.

2. Serum Night – Abeille Royale Daily Repair Serum  – with its unique texture, is presented in the form of small balls floating in a golden liquid, this concentrated serum contains royal jelly from Guerlain’s exclusive production  and acts at various levels of skin repairing and returning firmness. I received a small test package from this product that  convinced me fully. It’s already on my wish list for Christmas!

3. Eye Cream – Abeille Royale – with the exceptional repairing power of bee products, this cream helps repair the visible signs that age and fatigue bring into the eye area. It reduces wrinkles and fine lines at the same time it gives greater firmness to the eye contour. Despite having only a few lines of expression, what bothers me is the puffiness under the eyes and I have to say, this cream is fantastic. Within days of using both puffiness and dark circles under the eyes have been considerably reduced, giving it first place in the  top of eye creams. A clear winner!

4. Face Cream – Orchidée Imperiale Cream Gel – This gel texture cream promises to fix the signs of aging at the same time it provides a sense of freshness. The texture is light and melts quickly and easily with the skin, leaving a feeling of great comfort without oiliness signals. My skin is moisturized and soft and I am totally surrendered.

5. Hydrating Mask – Super Aqua – to use once or twice a week (after exfoliating) this mask is delicious to apply and leaves the skin fresh, hydrated and soft. Love it.

Beauty Tips | Skin Care (in love with Guerlain)

Beauty Tips | 5 Minutes Makeup

Unknown

(Scroll Down for English Version)

Gosto de maquilhagem, de ver as colecções que saem todos os anos, de comprar um ou outro produto que combina melhor com o meu tom de pele. Mas, na verdade, acho que gostaria de comprar quase todos, porque a atracção é, sobretudo, pelas cores e pelas suas combinações. A motivação é talvez a mesma que me leva a comprar lápis e materiais de pintura: ter, para mim, materiais com o poder transformador da cor.

Quando tinha vinte ou trinta anos, dificilmente saía à rua sem maquilhagem. Ora, a idade, se me roubou em frescura, ofereceu-me confiança e é de cara lavada que vos escrevo este post e que sou capaz de sair de casa não perdendo à vontade. Mas é indiscutível, que com uma ajuda de meia dúzia de produtos, podemos ficar com um ar mais fresco e saudável.

As minhas sugestões são simples e rápidas (não me ocupam mais de cinco minutos, mas contem com dez se não estão habituadas), trabalhando sobre um rosto com a pele limpa, hidratada e protegida.

1. Concealer – Para disfarçar as olheiras uso o Boi-ing da Benefit (nº2). É cremoso e espalha com bastante facilidade fundindo bem com o tom da pele e tendo um bom poder de cobertura. Muitas pessoas colocam o concealer depois da base, mas pessoalmente prefiro colocar primeiro e depois a base dá um tom uniforme.

2. Base – Depois de disfarçar os círculos por baixo dos olhos, aplico o Flexitone BB Cream do Dr. Brandt, que se adapta a uma gama de tons de pele e por isso dá para usar todo o ano. Tem uma textura aveludada e ligeira que me agrada muito pois aprecio um look de pele nua, com um tom homogéneo mas sem perder transparência.

3. Bronzer – Para dar um ar mais ensolarado e saudável por vezes passo uma pincelada ligeira de bronzer. Durante muitos anos usei os bronzers da Dior, agora tenho o Star Bronzer da Lâncome que, com o pincel incorporado me pareceu muito prático. No entanto, pelo menos no meu caso, a passagem do pó para as cerdas do pincel estava sempre a entupir e acabou por se mostrar pouco funcional. A cor, no entanto, é muito bonita e desde que não se exagere na quantidade fica com um ar muito natural.

4. Blush – Opto sempre por um blush de tom coral que me parece o que vai melhor com a minha pele clara mas ligeiramente dourada (é mais bonito do que dizer amarelada, não é?).  Neste momento estou a usar o Blush Subtil da Lâncome que tem um ligeiro brilho, mas que na pele fica muito natural.

5. Sombras – Quando trabalhava (fora de casa, entenda-se!) pintava os olhos quase todos os dias, agora nem sempre o faço, mas gosto de combinar uma sombra mais clara na pálpebra superior com uma mais escura no canto externo do olho e sobre a linha das pestanas, esfumando ligeiramente. Durante o dia aposto na subtileza e se saio à noite posso acentuar um pouco mais. Mas não podemos esquecer que, à medida que os anos passam, uma maquilhagem mais pesada tende a desfavorecer imenso que a usa. Uma das minhas paletas favoritas é a Moonlight da Dior, talvez porque os tons cinza e bronze são os que melhor combinam com os meus olhos esverdeados.

6. Máscara – Com ou sem sombra, não passo sem um toque de máscara. Durante muitos anos usei castanho ou cinza, e uma vez até experimentei o azul escuro (que gostei muito). Agora, que o formato das escovas já permitem que as pestanas fiquem bem separadas e com um ar mais leve e natural, opto pelo negro e, de há quatro anos a esta parte, pelo They’re Real! da Benefit. As pestanas crescem e ficam com um ar super natural, intensificando o olhar.

7. Baton – Para finalizar, um toque de cor nos lábios. Gosto de uma cor ligeira, embora não demasiado clara. Ultimamente tenho usado o gloss da Dior Addict num tom coral. Bem espalhado, dá um brilho hidratado e saudável.

Quem, mesmo que sendo uma Girl como eu (50+), se esteja a iniciar nesta coisas do Makeup, não se deixe intimidar e vá experimentando e procurando os tutoriais que existem pela internet. Tenho apenas três máximas que sempre me orientaram e nunca me deixaram ficar mal: Menos é mais e a maquilhagem deve servir para nos deixar com um ar natural e bonito. Escolher sempre produtos de qualidade, pois apesar das bonitas cores, os produtos de makeup estão carregados de substâncias químicas que podem ser perniciosas (uma atenção particular para os fakes das marcas que, sendo produtos sem qualquer tipo de fiscalização, podem até usar substâncias proibidas). Ao fim do dia, retirar toda a maquilhagem e preparar a pele para um merecido descanso.

(English Version)

I do like make-up, like to see the collections that come out every season, and to buy one or another product that best matches my skin tone. But in fact, I think I would buy almost everyone because the attraction is primarily by colors and their combinations. The motivation is perhaps the same that leads me to buy pencils and paint materials: have, for me, materials with the transformative power of color.

When I was in my twenty’s or thirty’s, hardly went out to the street without makeup. Now that I’m older I’ve gained in confidence what I’ve lost in freshness and is with my bared face that I’m writing this post. But it is indisputable that with the help of a few products we can get a fresher and healthier look.

My suggestions are simple and take almost no time at all (do not take me more than five minutes, maybe ten if they are not used to put makeup on), working on a face with clean, moisturized and protected skin.

1. Concealer – To disguise dark circles use Boi-ing from Benefit. It is creamy and spreads quite easily merging well with the skin tone and having a good covering power. Many people put the concealer after foundation, but personally prefer to place it first and then the foundation gives an even tone.

2. Foundation – After disguise the circles under the eyes, I apply the Flexitone BB Cream from Dr. Brandt, which adapts to a range of skin tones and so it can be used  all year. It has a velvety texture and its light, what pleases me very much because I appreciate a bare skin look with a uniform tone without losing transparency.

3. Bronzer – To give a more sunny and healthy look, sometimes I use a slight touch of bronzer. For many years I used the bronzers from Dior, now I  have the Star Bronzer from Lâncome that with the built-in brush seemed very practical. However, at least in my case, the passage of the powder to the brush bristles was always clogged and turned out to be barely functional. The color, however, is very beautiful and provided that you do not overdo the amount will give a very natural look.

4. Blush – I always choose a shade of coral blush, which  goes best with my fair skin but slightly golden (it’s more beautiful to say yellow, right?). I’m currently using the Blush Subtil from Lâncome which has a slight sheen, but in the skin looks very natural.

5. Shadows – I do not always where eye shadow, but when I do, I like to combine a lighter shade on the upper eyelid with a darker at the outer corner of the eye and the line of eyelashes, slightly smoky. During the day I try to keep it  subtle and if I go out at night I can accent a little more. But we can not forget that, as the years pass, heavier makeup tends to increase your years. One of my favorite palettes is the Moonlight from Dior, perhaps because the gray and bronze shades are the ones that best match my brown / green eyes.

6. Mascara – With or without eye shadow, I always use some mascara. For many years I used brown or gray, and once even tried the dark blue (I liked a lot). Now that the format of the brushes already allow the eyelashes to be well separated and with a lighter and natural look, I choose a black mascara, and for four years now, I’m wearing They’re Real! from Benefit. Eyelashes grow and stay super natural, intensifying the look.

7. Lipstick – Finally, a touch of color on the lips. I like a slight color, but not too bright. Lately I’ve used the gloss from Dior Addict in a coral tone. Well spread, gives a hydrated and healthy glow.

Who, even if being a girl like me (50+), is starting in this Makeup world, do not be intimidated and start experimenting and looking for tutorials that exist on the Internet. I have only three maxims that always guided me and never let me down: Less is more and make-up should serve to leave us with a beautiful, natural air. Always choose quality products, because in spite of beautiful colors, the makeup products are loaded with chemicals that can be harmful (particular attention to fakes of brands, and products without any kind of supervision that can even use prohibited substances). In the evening, remove all make-up and prepare the skin for a deserved rest.

(This post participates on Not Dead Yet Style’s Visible Monday)

Beauty Tips | 5 Minutes Makeup

Capsule Wardrobe | Spring – Summer 2015

Unknown-4

(Scroll Down for English Version)

Já alguém se viu na situação de ter um roupeiro cheio de roupa e não saber o que vestir? Já descobriram, peças de roupa, compradas há anos, e ainda com a etiqueta? Eu já! E fico irritada e até triste com a perda de tempo e com o desperdício de dinheiro e energia.

Lembro-me de, nos primeiros anos a seguir a começar a trabalhar, estudar as colecções que saíam e escolher criteriosamente as peças que comprava de forma a respeitar um orçamento. Tudo tinha de dar com tudo, permitindo uma série de combinações que iludiam o tamanho reduzido do guarda roupa.

Depois, já com mais disponibilidade financeira, comecei a comprar mais, mas nem sempre melhor, e recordo com alguma saudade esses tempos passados em que menos, na verdade, era mais. Assim, quando comecei a ler aqui e ali sobre os desafios dos Capsule Wordrobes, lembrei-me da satisfação que me dava criar o melhor figurino para cada estação, do que facilitava na escolha da roupa para cada dia e da forma como me permitia gerir eficazmente um orçamento limitado.

Unknown-2

Vou partilhar aqui as minhas escolhas para a Primavera – Verão 2015 e falar mais um pouco sobre este conceito. Perguntarão algumas: Mas o que é isso de um Guarda-roupa Cápsula? De forma simples, é um guarda-roupa sazonal, com poucas (cerca de 30) peças, que devem ser versáteis, combinar entre si, e que, acima de tudo, lhe devem assentar bem e fazer sentir-se bem.

A escolha do tema, tipo de peças e paleta terá tudo a ver com os gostos de cada um, as actividades em que está envolvido no seu dia a dia, a idade e a constituição física. No entanto, antes de começar a reunir as peças do seu novo guarda-roupa estas são escolhas que terá de fazer. Passeie pelas lojas, visite os sites das suas marcas preferidas, folheie algumas revistas e as ideias vão começar a formar-se.

Unknown-1

Ao escolher a paleta de cor lembre-se que para garantir a versatilidade das peças e maximizar as combinações possíveis para os seus outfits deve apostar nas peças básicas em tons neutros (o branco, o cru, o negro, o navy, o castanho e os cinzas são neutros, assim como o jeans), e em algumas cores (de preferência que combinem entre si) para dar notas de destaque. Os padrões não devem ser muito diversificados porque limitam as combinações. Este ano a listras estão em moda e funcionam quase como um liso. Pode também jogar com as texturas e com algumas peças mais originais como forma de enriquecer o guarda-roupa.

Já criou um conceito, está na hora de escolher as peças. Para muitas, um guarda roupa com cerca de trinta peças vai implicar um downsize da colecção que têm disponível, mas não se esqueçam, neste caso Less is More! Trinta peças bem escolhidas vão permitir muito mais combinações do que cinquenta desirmanadas. Para que isso seja possível, ao escolherem uma peça de roupa têm de garantir que ela, juntando com outras, é capaz de entrar em três outfits diferentes. Não dá? Está fora!

Unknown-3

Antes de sairem para as lojas numa loucura de compras, vão ao vosso roupeiro e procurem entre as colecções passadas, aquelas peças que tanto gostam, que se integram no vosso conceito, que estão em bom estado e que vos ficam bem. Vão ver que vão encontrar alguns tesouros de que até talvez já não se lembravam. Comprar menos peças permite investir em qualidade, e se formos capaz de reciclar algumas roupas de anos anteriores melhor ainda.

O guarda roupa deve incluir Partes de Cima (Blusas / Camisas / T-shirts), Partes de Baixo (Calças / Saias / Calções), Vestidos, Casacos e Sapatos. Roupa de desporto, de dormir e de praia não conta.

Unknown

(English Version)

Has anyone found herself in the situation of having a full wardrobe of clothes and not know what to wear? Have discovered, clothes, bought for years, still with the label? I have! And I’m annoyed and even saddened by the loss of time and waste of money and energy.

I remember in the early years after starting to work, I would study collections coming out and carefully choose the what to by in order to respect a budget. Everything had to match with everything else, allowing a number of combinations that eluded the small size of the wardrobe.

Then, as my bank account grow, I began to buy more, but not always better, and I recall with some nostalgia those times past where less actually was more. So when I started reading here and there about the  Capsule Wardrobe challenges, I remembered the pleasure I have creating the best collection for each season, which facilitated the choice of clothing for each day and the way it allowed me to effectively manage a limited budget.

I will share here my choices for Spring – Summer 2015 and talk a bit more about this concept. Some will ask: But what is it a capsule wardrobe? Simply put, it is a seasonal wardrobe, with few (about 30) pieces, which must be versatile, combining with each other, and above all, they must fit you and make you feel good.

The choice of theme, type of pieces and palette is function of  your preferences, of  the activities you are involved in your day to day, your age and physical constitution. However, before starting to assemble the pieces of your new wardrobe these are choices that have to do. Stroll through the shops, visit the websites of your favorite brands, look at magazines and some ideas will surely start to form.

When choosing the color palette remember that to ensure the versatility of the pieces you chose and maximize the possible combinations for their outfits, you  should focus on basic pieces in neutral colors (white, raw, black, navy, brown and grays are neutral,so is jeans), and add some color (preferably combining to each other) to highlight notes. Patterns  should not be diversified because they limit combinations. This year the stripes are in fashion and function almost as a neutral. You can also play with the textures and with some statement  pieces to enrich the wardrobe.

Already have a concept of your capsule, it’s time to choose the pieces. For many, a wardrobe with about thirty pieces will entail the downsize of the collection that you are used to have, but do not forget, in this case Less is More! Thirty well-chosen pieces will allow more combinations than fifty unpaired. For this to be possible, by choosing a piece of clothing you have to ensure that, along with others, it is able to get in three different outfits. Does not? It is out!

Before leaving for the shops in a shopping spree, go to your closet and look from past collections, those pieces that you are so fond of, that integrate in your concept, that are in good condition and that make you look good. You will see that you will find some treasures that perhaps you no longer remembered. To buy fewer pieces of cloth allows you to invest in quality, and if we are able to recycle clothes from some previous years  even better.

The wardrobe should include Upper Parts (blouses / shirts / T-shirts) Bottoms (Pants / Skirts / Shorts), dresses, coats and shoes. Sportswear, sleeping wear and beachwear does not count.

(This post participates on Not Dead Yet Style’s Visible Monday)

Capsule Wardrobe | Spring – Summer 2015

Beauty Tips | Cuidados com o Cabelo

A maior parte das mulheres valoriza e esforça-se por ter uns cabelos bonitos e bem cuidados. Infelizmente, à medida que os anos passam o nosso cabelo vai perdendo vigor, espessura e densidade, precisando, cada vez mais da nossa atenção e de cuidados específicos.

Hair

Vou partilhar convosco os cuidados que tenho com o meu cabelo. É claro que as minhas opções são as que considero mais adaptadas às minhas necessidades. Tenho 50 anos, o cabelo encaracolado com tendência para ficar seco nas pontas. Nos últimos anos tem vindo a ficar mais fino e a não conseguir repor os fios que perco com a queda. Também começaram a surgir os cabelos brancos, mas isso é matéria para outro post!

Para combater a queda uso produtos da gama capilar da Vichy, lavo o cabelo com o champô Dercos Enérgisant que alterno, cada vez que termino uma embalagem, com o champô Dercos Neogenic que promove a redensificação da cabeleira. Para finalizar a lavagem aplico um pouco de condicionador Dercos Fortificante Mineral Suave. Para além do tratamento, estes produtos deixam o cabelo brilhante, com volume e um ondulado bonito. Lavagem sim, lavagem não, aplico uma ampola de tratamento, das quais vou variando a marca e o tipo de tratamento oferecido.

Depois do cabelo enxaguado e de retirar o excesso de água com uma toalha, aplico um pouco de Elixir Ultime da Kérastase nas pontas e comprimento do cabelo. Optei pela variedade indicada para cabelos finos e sensibilizados.

Para além dos cuidados do dia a dia, duas vezes por ano, durante três meses, faço o tratamento antiquada que combina ampolas de aplicação tópica da Dercos Aminexil Pro e as cápsulas Densiology da Innéov. No meu caso, sinto que fazem realmente a diferença, deixando o cabelo mais vigoroso, mais espesso e levando ao surgimento de bastante cabelo novo.

Independentemente destes produtos, tenho algumas dicas que acho muito úteis na hora de tratar do cabelo.

1) Em primeiro lugar, não usem demasiado produto! A maior parte dos champô são muito concentrados e, por isso, não é preciso muita quantidade. Podem diluir um pouco o champô em água ou emulsionar com água depois de espalhar sobre o cabelo. Demasiado condicionador, máscara ou ampola também vão deixar o cabelo pesado e sem graça, sem acrescentar mais tratamento. Uma quantidade do tamanho de uma amêndoa é suficiente para um cabelo de tamanho médio. Mesmo as ampolas podem ser utilizadas em duas ou três vezes tapando com a peça que se quebra na extremidade.

2) Se tem o cabelo seco nas pontas, comece por molhar o cabelo com água quente e, antes de aplicar o champô, aplique um pouco de condicionador nas pontas. Com o primeiro champô, lave bem o couro cabeludo. Com a segunda dose de champô dê uma passagem suave pelas pontas do cabelo, sem friccionar excessivamente. Depois de aplicado o condicionador no final da lavagem, enxague com água tépida a fria (se tiver coragem!). Vai ver como o cabelo fica bem mais hidratado e brilhante em toda a sua extensão.

3) Mesmo que deixe secar o cabelo ao natural, após a lavagem retire o excesso de água com uma toalha, penteie (não escove) e aplique algum produto da sua escolha e passe com o secador para secar o mais possível as raízes. Segundo os profissionais, contribui para a saúde do cabelo e para reduzir o risco de queda.

4) Agora que se aproxima o Verão, não se esqueça de proteger o cabelo das agressões do sol, do sal e do cloro.

(English Version)

Beauty Tips | Hair Care

Most of the women values ​​and strives to have a beautiful  and well maintained hair. Unfortunately, as the years go by our hair loses strength, thickness and density, needing more and more of our attention and specific care.

I will share with you the care I have with my hair and some tips that can be useful to all kinds of hair. Of course, my options are what I find most suited to my needs. I am 50 years old, curly hair with a tendency to stay dry at the ends. In recent years has been getting thinner and to fall more than used to. Also began to appear some white strains, but that’s a subject for another post!

To combat the hair fall  I use products from Vichy. Wash my hair with the shampoo Dercos Enérgisant that I alternate, each time I finish a pack, with shampoo Dercos Neogenic that promotes densification of hair. After washing apply a little Dercos Mineral Soft Fortifying Conditioner. In addition to treatment, these products leave the hair shiny, with volume and beautifully wavy. Every other washing, I apply some Repair Ampoules, which will vary the brand and the type of treatment offered.

After the hair is rinsed and the  excess water removed with a towel, I apply some of Kérastase Elixir Ultime in the hair ends and lengths. I opted for the range indicated for fine and sensitized hair.

In addition to the day to day care,  twice a year, for three months, I do a hair loss treatment combining topical application of  Dercos Aminexil Pro and Densiology capsules from Innéov. In my case, I feel that this treatment really make the difference, leaving hair stronger, thicker, and leading to the emergence of lot of new hair.

Regardless of these products, I have some tips that I find very useful in time to treat the hair.

1) First, do not use too much product! Most shampoos are very concentrated and therefore does not take much quantity. May dilute some shampoo in water or emulsified with water after spreading on the hair. The same is true for conditioner, mask or Repair ampoules. If you use too much they will leave the hair heavy and dull, without adding further treatment. An amount of an almond size is sufficient for a medium sized hair. Even the ampoules can be used for two or three times with the covering piece is broken in the top.

2) If you have dry hair at the ends, first wet your hair with warm water and, before applying the shampoo, apply some conditioner on the ends. With the first shampoo, wash the scalp. With the second dose of shampoo give a smooth passage through the hair ends, without rubbing excessively. After applying the conditioner at the end of the wash, rinse with cold water  (if you dare!). You will see how the hair is much more hydrated and glowing in all its extension.

3) Even if let dry your hair the natural, after washing remove excess water with a towel, comb (no brush) and apply a product of your choice and blow dry as much as possible the roots. According to the professionals, contributes to hair health and to reduce the risk of falling.

4) Now approaching the summer, be sure to protect your hair from sun, salt and chlorine aggressions.

Beauty Tips | Cuidados com o Cabelo